Empresários estão de olho na ZEMA

Proposta tem apoio de grandes empresários brasileiros

Grandes empresários se mostram interessados com o Projeto de Lei 319/2015, que cria a Zona de Exportação do Maranhão (ZEMA) Em viagens e missões oficiais, o autor do projeto, senador Roberto Rocha, apresentou as vantagens e virtudes da proposta. Em síntese, ela tem na sua essência o incentivo econômico para empresas que desejarem exportar seu produtos a partir do Complexo Portuário do Itaqui.

Dono da marca Baterias Moura, Sérgio Moura, recebeu o senador Roberto Rocha no Recife. Na conversa, o empresário ficou entusiasmado em saber que uma proposta tão ousada pode contribuir muito para o fortalecimento no mercado internacional da empresa,  a partir da produção no Maranhão.  A sede da Moura fica no Recife. Logo, existe uma proximidade razoável.

baterias moura
Empresário Sérgio Moura ficou entusiasmado com o Projeto que cria a ZEMA.

“Tenho dito por onde ando e converso que a ZEMA reúne condições excepcionais para quem deseja exportar sua produção. Temos um porto extraordinário, uma posição geográfica privilegiada, capaz de se conectar com todos os continentes, e incentivos econômicos que visam baratear os custos das empresas. Ou seja, um verdadeiro pré-sal.”, declarou Roberto Rocha.

Convite a empresas do Sul do Brasil

Empresários das marcas da Tramontina, Marcopolo e Rondon elogiaram o Projeto de Lei. Todos eles foram unânimes no interesse de aumentar os investimentos para o mercado internacional. Certamente, a instalação de fábricas no Maranhão pode resultar em um aumento expressivo nos negócios, graças as vantagens e incentivos que a proposta reúnem.

roberto-rocha-tramontina
Diretores da Tramontina e o senador Roberto Rocha na sede da empresa no Rio Grande do Sul.

A autor da proposta, senador Roberto Rocha entregou a cada um dos diretores e presidentes um kit, contendo um material detalhado sobre a ZEMA. Por fim, o congressista fez o convite para que essas empresas conheçam o potencial que o Maranhão pode oferecer.

“A Zona de Exportação do Maranhão não é uma proposta regionalizada, que pertence somente ao Maranhão. É algo maior, do tamanho do Brasil e para o brasileiros.”, frisou Roberto Rocha.

Riachuelo coloca Maranhão no radar de investimentos

Flávio Rocha-Roberto-Rocha
Empresário Flávio Rocha vai colocar o  Maranhão no seu radar de investimentos.

Proprietário da cadeia de lojas Riachuelo, o empresário Flávio Rocha disse que o projeto da Zona de Exportação do Maranhão pode revolucionar a produção no Nordeste, a partir de São Luís. Em encontro com o autor da proposta, Flávio Rocha admitiu que tem interesse de expandir os negócios e a ZEMA pode facilitar esse caminho.

Com enorme aceitação do meio empresarial, a Zona de Exportação vai transformar o Complexo Portuário do Itaqui em um verdadeiro hub do comércio mundial. Inegavelmente, ela pode desbancar outros mercados da ALCA e virar a maior referência em exportação das Américas do Sul e Central.

Em suma, essa é grande aposta de quem enxerga a ZEMA como o futuro da exportação. E para o Brasil um presente desembrulhado que vai servir ao povo brasileiro.

 

“Dessa forma, o Maranhão entra no radar das grandes possibilidades, podendo tornar a região como grande pólo de confecção de peças da marca.”, disse Flávio Rocha.

Roberto Rocha busca modelo portuário para a ZEMA no Complexo do Itaqui

“Cada vez fica mais claro o que nosso povo tem perdido com essa política que gasta todas as suas energias para a briga apequenada de facções, esquecendo de pensar o Estado e o futuro dos maranhenses. Pensar grande, olhar pra frente, brigar pelo Maranhão em primeiro lugar. Essa é a nossa tarefa.”, destacou Roberto Rocha.

WeCreativez WhatsApp Support
Saiba mais sobre a ZEMA - Whatsapp